31 de out de 2011

Robert A. Masciantonio fala sobre "Filhos das Trevas"

Hoje é Halloween, e para entrar no clima, teremos duas postagens especiais aqui no Amy Jo Brasil. Primeiro, a tradução de uma entrevista com diretor do filme de terror "Filhos das Trevas", Robert A Masciantonio, publicado no último dia 15 no site Cinedelphia. Selecionamos a parte que o diretor fala sobre a Amy e sobre produção desse filme, gravado em 1998.

A entrevista faz parte do especial "Dias de Horror" do site Cinedelphia, que a cada dia de Outubro traz matérias com diretores e artistas ligados a produção de filmes de Terror.

Entrevista:  Dia 15 "Robert Angelo Masciantonio"

C: Quais foram alguns dos filmes de terror que influenciaram a criação de "Filhos das Trevas" (Cold Hearts)?

RAM: "Os Garotos Perdidos" (The Lost Boys) é definitivamente a base dele. É engraçado porque as pessoas são sempre as mesmas. É um especie de "Lost Boys ripoff", mas há muita mentalidade da Costa Leste que "Os Garotos Perdidos" não tinha.

C: Então, o filme tinha aquele clima de retiro de férias e pequena cidade que "Os Garotos Perdidos" tinha.

RAM: Sim, isso está realmente escrito na história. Os vampiros do mal de "Filhos das Trevas" estão lá para comer os turistas porque eles sabem que as pessoas vêm e vão em toda a cidade.

C: O filme teve um elenco interessante, de Amy Jo Johnson, uma atriz de televisão bem sucedida, a Fred Norris famoso pelo programa de rádio "Howard Stern".

RAM: O assustador Eric Norris.

C: Existem algumas referências de Kevin Smith/View Askew lá também. De onde é que esta mistura de tipos de cultura populares vêm?

RAM: Amy Jo fez um teste para mim, ela veio e realmente ganhou o papel. Eu estava velho demais para "Power Rangers" então eu não tinha a menor idéia de quem ela era (na época Felicity ainda não tinha estreado), eu só contratei ela porque ela arrazou na audição.

Já o Fred foi idéia minha. Eu queria alguém com uma voz reconhecível e isso foi logo depois de Private Parts quando Fred estava fazendo mais trabalho de atuação. Eu nunca contratei Fred pelo programa, ele realmente esteve 10 anos no "Howard Stern" e veio me entrevistar.

C: Você usou uma equipe da Filadélfia para o filme?

RAM: Não, todos da equipe tinha vindo de Los Angales, através de todas as diferentes conexões que eu tinha feito. Fui lá para a audição e acabei conhecendo as pessoas através das pessoas. O que custou para trazer todo mundo, não pesou tanto quanto as pessoas numa condução diária da Filadélfia teriam pesado. Eu acho que nós alugamos nove casas para a equipe e um ponto. Todos os caras das câmera tiveram uma casa, os caras dos cabos tiveram sua casa. Era louco, e isso levou um mês em Ocean City.

C: Tom Savini fez os efeitos especiais de maquiagem no filme. Ele foi recomendado para você, ou foi uma escolha pessoal sua?

RAM: Eu chamei Tom, eu acho que sua loja pode ser sido listada. O script tinha saído para um monte de lojas em Los Angeles e isso fez um trabalho realmente bom, mas eu pensei que daria chamar o Tom Savini. Eu liguei para ele, mas era só a sua voz na secretária eletrônica, e tentei de novo depois. Pela quarta chamada, ele atendeu o telefone e eu enviei o script para ele. Ele me mandou de volta um lance incrível, o que ele disse foi que "eu vou projetar tudo com você e simplesmente os meus meninos vão tomar conta disso." Encontrei-me com ele duas vezes, uma com Amy Jo em Pittsburgh, porque os caras tinham que cobrir ela da cabeça aos pés em borracha, então eu fui lá fora para ser solidário.

C: O que você fez depois que as filmagens foram concluídas?

RAM: Mudei-me para Los Angeles, logo depois que terminou, fiz toda a pós produção fora de lá. Tivemos sessões, tivemos uma exibição grande na Paramount. Dentro de um par de semanas tivemos uma distribuição e estávamos felizes, foi um processo muito rápido. O filme foi para os cinemas em Los Angeles, Nova York e logo depois ocorreu os lançamentos em vídeo e DVD. Synapse Films relançou o DVD, o Don May da Synapse é um grande cara. Agora estamos tentando encontrar o negativo original para trazer "Filhos das Trevas" pela primeira vez no mercado em Blu-Ray.


Orignal em: 

Últimas postagens: