20 de abr de 2012

Com ótimas críticas, Tiger Eyes brilha no Palm Beach Film Festival

As críticas não poderiam ser melhores, Tiger Eyes fez sua estreia essa semana no Palm Beach Film Festival e arrancou lágrimas da platéia que acompanhou o filme em primeira mão. Apontado como um retrato humano de amor e perda, o filme só recebeu elogios.

Confiram a tradução da crítica sobre o filme públicada no site Pure Fame Media, que escreveu que Willa Holland, Amy Jo Johnson e Tatanka Means conseguiram capturar a essência dos personagens para fora das páginas do livro e que o filme pode tornar-se um dos mais célebres de todos os tempos.
















"Tiger Eyes: Uma história de amor e perda"

A vida é uma experiência - este foi o tema mais abrangente de uma das apresentações de filmes mais encantadoras já vistas no Festival de Cinema Internacional de Palm Beach, na noite de segunda-feira, dia 16.

Este filme, "Tiger Eyes", fez sua estréia no CityPlace na West Palm Beach na Florida, como parte do Palm Beach Internacional Film Festival. Judy Blume é a autora icône que tocou os corações de inúmeros fãs de todas as gerações com seus romances memoráveis como "Irmãs de Verão", "Forever", "Freckle Juice", "Are You There God? It’s Me, Margaret" e muito outros. Suas histórias fazem você rir e fazer você chorar.

O Filho de Blume, Lawrence, sempre quis se tornar um cineasta quando um adolescente e livro de sua mãe, "Olhos de tigre", o fez se tornar um. Esse era o único livro que ele queria transformar em um filme e assim em 2012 com um esforço colaborativo entre mãe e filho, esse sonho tornou-se uma realidade para o mundo ver.

O filme é um exame de como a vida realmente pode ser preciosa. Uma jovem é atirada para um mundo difícil após a morte súbita e violenta de seu pai. Ela é arrancada de sua casa e com sua mãe e irmão, eles vão para o Novo México para ficar na casa de sua tia e tio. Ela luta vendo sua mãe em um estado mais conturbado da mente enquanto ela está constantemente perdendo o vínculo de amor que ela compartilhou tão profundamente com seu pai.

Nós acompanhamos essa garota conhecida como Davey Wexler através de seus desafios e atribulações diárias, tristezas e confusões com eventos atuais, que a lembram de acontecimentos passados com o pai e ainda assim ela continua tão forte diante da adversidade. Davey encontra um misterioso amigo em uma das montanhas do canyon de Los Alamos. Ele é descendente de índio e chama-se Wolf. Essa amizade cresce e floresce e é retratado tão bem na tela que o público se sente em harmonia com esses personagens como se eles vissem as lições de vida tomar posse e apreendê-las. Diante dos nossos olhos, Davey Wexler cresce e amadurece e começa a lidar com a tristeza da morte, em parte devido ao seu novo amigo, Wolf. O final é edificante, o início de uma nova e preciosa vida, que o obriga a pensar nas relações que você mantem próximo do verdadeiro significado da própria vida.

Enquanto as luzes brilharam no cinema, uma sessão de perguntas e respostas com Judy Blume e Lawrence foi realizada. Judy apontou que todo mundo traz sua própria experiência pessoal de um livro ou filme. Ela perdeu o pai quando ela tinha 21 anos e cada vez que ela assiste o filme, ela enche-se de emoção. As atuações de Willa Holland como Davey, Amy Jo Johnson como Gwen (a mãe) e Tatanka Means como Wolf, capturaram a essência dos personagens para fora das páginas do romance. Tanto a mãe e o filho foram acolhedores e simpáticos e gostaram de se abrir e discutir a sua obra-prima multua de trabalho com o público curioso que estiveram cativando.

Para onde o filme irá a partir daqui? Bem, ele apela para uma platéia nostálgica e eu acho que vai certamente tornar-se um dos filmes mais célebres de todos os tempos. Ele pode acabar viajando pelo mundo antes de encontrar uma casa e vai continuar a enviar a mensagem de que "A vida é uma experiência". Se é bom ou ruim, é você que irá fazer dela o que quiser.

Em inglês aqui.

Judy Blume no Palm Beach Film Festival:

Judy Blume e seu filho, Lawrence Blume atenderam a imprensa e os fãs. Judy chegou a autografar vários livros no local.

















Últimas postagens: