15 de jan de 2015

Lines

Sinopse:

Quando Amelia Jamison (Amy Jo Johnson) procura um dermatologista para remover um sinal na pele, é envolvida no julgamento de sua aparência e idade. Mostrando especialista no assunto, o doutor de pele brilhante (Enrico Colantoni) apresenta-lhe as vantagens de acabar com todas as linhas de seu rosto. Lines é uma comédia sobre recordar as coisas importantes da vida e abraçar a beleza de envelhecer graciosamente bem.

Sobre a personagem:



Amelia Jamison é mulher de 40 anos que sempre procurou dar valor as coisas simples da vida. Ela não sabia que uma consulta comum com um dermatologista poderia deixa-la sentindo-se velha e vulnerável. Esse medico, viciado em juventude, leva a Amelia a buscar sua própria reflexão sobre a perspectiva da beleza e como deve-se ser naturalmente bonita.







Sobre o filme:

Lines é o segundo curta-metragem produzido, dirigido e roteirizado por Amy Jo Johnson, que estreou em setembro de 2014 no Edmonton International Film Festival. É protagonizado por Amy Jo Johnson no papel de Amelia, Enrico Colantoni no papel do doutor e Ingrid Kavelaars como sua enfermeira. Sua trilha sonora é composta por canções de artistas canadenses como Charlotte Cornfield e Cinjun Tate, vocalista da banda Remy Zero, além do músico americano Jordan Besser e de Amy Jo Johnson com uma canção que leva o mesmo nome do curta. O roteiro traz uma nova abordagem para o grau de como homens e mulheres podem preservar e julgar sua beleza física.

- Produção:

Depois do sucesso do financiamento coletivo de seu primeiro curta metragem, Bent, Amy Jo Johnson decidiu embarcar novamente no processo de crowdfunding através site Indiegogo, dessa vez para a produção de um curta-metragem de seu roteiro chamado Lines. Em junho de 2013, Amy Jo Johnson anunciou o financiamento coletivo para Lines, onde ela seria a protagonista, a personagem Amelia, que ela definiu como uma especie de alter ego. Esse curta-metragem mostra de forma cômica a importância da aceitação das marcas do tempo e da aparência sem julgamentos. Através de sua personagem, Amelia, o telespectador é levado ao momento quando começa a questionar sua própria aparência e se comparar com alguma outra versão do perfeito.

Esse curta-metragem foi baseado em uma experiência real de Amy Jo Johnson. Em 2012, durante uma consulta simples em uma clinica de dermatologia, Amy Jo foi abordada por um médico que lhe ofereceu diversos procedimentos de beleza como botox e preenchimento labial, tentando convence-la a eliminar as linhas em seu rosto. Em julho de 2013, Amy Jo deu iniciou ao crowdfunding para a produção, batendo novamente a meta antes do termino da campanha e conseguindo mais de 40 mil dólares em menos de 1 mês, o que levou Lines a ser a campanha destaque do mês no Indiegogo.

- Música:

Originalmente, Amy Jo Johnson escreveu a canção "Lines" para a sua irmã mais velha, Julie, e ela acabou tornando-se tema musical do curta-metragem de mesmo nome. Amy escreveu essa canção, enquanto olhava para a sua irmã, que fazia movimentos de equilíbrio de yoga. Ela então adicionou Julie a suas apresentações musicais, onde no momento que ela cantava Lines, Julie repetia aqueles movimentos para a plateia. A canção foi lançada em novembro de 2013 como uma das faixas do terceiro álbum autoral de Amy Jo, "Never Broken", sendo a unica musica somente voz e violão. A voz da criança no começo da gravação é de sua própria filha, Francesca. A letra, apontada como genuína e corajosa, fala sobre a beleza de envelhecer com graça e estar confortável com sua aparência. A música é usada na cena de fechamento do curta-metragem.

Trailer:



Fotos promocionais:




Últimas postagens: